Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2014

Os Parlamentares e o povo ou precisamos ler Voltaire!

Nos últimos dias, na mídia em geral, está em discussão o que um parlamentar dissera a sua colega em pleno espaço de trabalho. Não vou citar nomes aqui para não realizar uma suposta defesa - ou não - de parlamentar A ou B. Meu objetivo aqui é apenas tentar mostrar no viés de um filosofante, com certo distanciamento, as ideias ou implicações que o referido acontecimento causou à minha percepção.

Casos são incontáveis pelas câmaras, assembleias e plenários do nosso país desse tipo. Indivíduos, políticos, eleitos pelo povo - frise-se bem isso: eleitos pelo povo - a bradarem opiniões até então jamais vistas pela nossa infante democracia. Discursos que envolvem muitos absurdos, discursos reacionários, ditatoriais, impositivos, preconceituosos, fundamentalistas, religiosos etc...

Diante desse quadro, pode-se concluir também que nunca em nossa história falou-se e divulgou-se tanto aquilo que os nossos representantes políticos dialogam ou discutem em seus respectivos ambientes de trabalho, sej…

CRÔNICAS DE UMA BARBEARIA

Estou lançando, a partir de hoje, de cunho ainda experimental, um conjunto de textos no formato de crônicas que visam compreender e empreender uma crítica filosófica (filosofante) sob uma nova perspectiva ao cotidiano da sociedade a qual participo. Faz-se extremamente necessário salientar que os personagens aqui são fictícios assim como as histórias aqui apresentadas, portanto, qualquer semelhança com algum fato ou pessoa terá sido meramente coincidência, caso venha ocorrer. Saliento também que o foco maior dessa sequência de crônicas é a manifestação de ideias e o debate das mesmas, jamais o foco será atingir pessoa A ou B caso alguém possa encontrar alguma relação, por menor que ela seja.
Vicente Fiscina 
*   *   *


ARLINDO
Seu Oswaldo é um barbeiro muito conhecido em sua cidade, Vila dos Enforcados, em função de ser um barbeiro bastante antigo, filho de outro barbeiro também muito conhecido, seu Filomeno, que via na arte da barbearia um caminho para seu sustento bem como ficar a pa…